CMN mantêm TJLP em 6%aa

BRASÍLIA – O Conselho Monetário Nacional (CMN) decidiu fixar em 4,5% o centro da meta de inflação para 2012. Segundo o secretário-adjunto de Política Econômica do Ministério da Fazenda, Gilson Bittencourt, a margem de variação da meta de inflação de 2012 é de 2 pontos porcentuais para cima ou para baixo. O CMN também confirmou em 4,5% o centro da meta de inflação para 2011.

TJLP: O CMN decidiu ainda manter em 6% ao ano a Taxa de Juros de Longo Prazo (TJLP) para o terceiro trimestre deste ano. Bittencour, explicou que o CMN considerou a meta de inflação de 4,5% e o risco País de 150 pontos para manter em 6% a Taxa de Juros de Longo Prazo durante o terceiro trimestre de 2010. “Por ser uma taxa de longo prazo, não consideramos apenas a expectativa do momento”, disse o secretário. Segundo ele, o risco País é um mix da média dos últimos meses, com a expectativa futura. Ele disse também que para fixar a TJLP o governo trabalha com o horizonte de um a 10 anos, que corresponde ao período da maior parte dos financiamentos do BNDES. A TJLP é a taxa utilizada pelo BNDES para corrigir os financiamentos do banco e é fixada a cada três meses pelo CNM.

Fonte: Estadão

Seja o primeiro a comentar

Faça um comentário

Seu e-mail não será divulgado.




*

WordPress spam blocked by CleanTalk.