Portal do Cooperativismo Financeiro Assembleia Geral da Credicitrus reúne quase 2 mil associados - Portal do Cooperativismo Financeiro

Assembleia Geral da Credicitrus reúne quase 2 mil associados

Resultados de 2010 consolidaram uma década de crescimento acelerado. A Sicoob Credicitrus é a maior cooperativa de crédito do Brasil.

A Assembleia Geral Ordinária da Sicoob Credicitrus, realizada no dia 14 de abril na Estação Experimental de Bebedouro, teve como principal destaque a apresentação dos bons resultados registrados pela cooperativa em 2010, consolidando o período de crescimento acelerado da cooperativa, iniciado em 2001. O desempenho da cooperativa no ano passado, quando seu quadro associativo somou mais de 43 mil cooperados, foi caracterizado por grandes números, como o patrimônio líquido de R$ 579 milhões, o total de ativos superior a R$ 2,2 bilhões, o volume de operações de crédito da ordem de R$ 1,2 bilhão e o resultado social econômico (economia feita pelos cooperados em comparação com o que teriam desembolsado ao operar no sistema financeiro tradicional), que superou R$ 380 milhões. Completando esse quadro, enquanto a AGO se desenrolava, a Credicitrus conquistou a classificação de crédito A3, o grau máximo de segurança entre as instituições financeiras do País, demonstrando sua solidez e a qualidade de sua gestão.

Outro destaque foi a participação recorde de quase 2 mil cooperados, representando os 43 municípios nos quais a Sicoob Credicitrus está instalada no Estado de São Paulo e no Triângulo Mineiro e ainda dos quatro municípios paulistas nos quais inaugurará filiais neste ano: Borborema, Paraíso, Tabatinga e Vista Alegre do Alto. Isso fez dessa AGO provavelmente a maior reunião já realizada por uma cooperativa no País. O encontro ainda contou com as presenças do secretário da Agricultura e do Abastecimento do Estado de São Paulo, João de Almeida Sampaio, do secretário adjunto da mesma pasta, Antonio Júlio Queiroz, do superintendente da OCESP/Sescoop-SP, Aramis Moutinho Junior e de David Andrade, conselheiro do Bancoob – Banco Cooperativo do Brasil.

Evolução

O diretor-presidente da Sicoob Credicitrus, Raul Huss de Almeida, comandou a AGO ao lado dos demais diretores executivos da cooperativa, Moacyr Pegoraro (Operacional), Siguetoci Matusita (Planejamento e Controle) e Maria Madalena Fernandes Rocha (Administrativa), além dos membros dos Conselhos de Administração e Fiscal. Em sua saudação aos cooperados presentes, fez inicialmente uma breve alusão à evolução do cooperativismo de crédito nos países desenvolvidos.

Ele citou que, na Europa, o setor reúne mais de 50 milhões de cooperados e o quarto maior banco do mundo, o francês Crédit Agricole, é uma cooperativa. Nos Estados Unidos, as 8 mil credit unions congregam mais de 90 milhões de cooperados, quase um terço da população. Enquanto isso, a principal organização brasileira do setor, o Sicoob – Sistema de Cooperativas de Crédito do Brasil, reúne aproximadamente 600 cooperativas e o número de cooperados não chega a 2 milhões. Mas Raul Huss de Almeida ressalvou: “Essa diferença tem um lado positivo, pois demonstra o enorme potencial de crescimento do cooperativismo de crédito no Brasil”. E acrescentou: “A Credicitrus é um exemplo de como podemos chegar longe”.

Responsabilidade social

Além do aspecto econômico, a AGO também focalizou as ações desenvolvidas pela Sicoob Credicitrus na área de responsabilidade social, como a exposição “Homem x Natureza – um percurso pelos 4 elementos”, criada para conscientizar a população para a importância do equilíbrio ambiental e do reaproveitamento dos materiais recicláveis. Em 2010, a exposição foi montada em Bebedouro, Araraquara, Barretos, Fernandópolis e São José do Rio Preto e recebeu mais de 50 mil visitantes.

Também foram citadas as ações desenvolvidas com o apoio do FISC – Fundo de Investimento Social e Cultural da Coopercitrus e da Credicitrus, com destaque para a Cooperlimpo – Cooperativa dos Coletores de Materiais Sólidos de Bebedouro (fundada com o apoio das cooperativas sediadas no município), o projeto de educação ambiental para crianças mantido na Estação Experimental de Citricultura de Bebedouro e a distribuição de baús literário (contendo livros infantis e infanto-juvenis) e pedagógico (contendo brinquedos e objetos lúdicos confeccionados com material reciclável pelos alunos da APAE Bebedouro).

O FISC também apoiou financeiramente projetos sociais de 48 entidades de 24 municípios, com cerca de 30 mil beneficiários, principalmente crianças, jovens e pessoas com necessidades especiais. E ainda liderou três campanhas (doação de cobertores e cestas de Natal e destinação de parte do Imposto de Renda a pagar para os fundos municipais de apoio à infância e à juventude), beneficiando cerca de 70 mil pessoas.

Fonte: Sicoob Credicitrus

Seja o primeiro a comentar

Faça um comentário

Seu e-mail não será divulgado.




*

WordPress spam blocked by CleanTalk.