Portal do Cooperativismo Financeiro Assembleia da ACI: OCB faz balanço da Assembleia Geral da ACI em Cancún, México - Portal do Cooperativismo Financeiro

Assembleia da ACI: OCB faz balanço da Assembleia Geral da ACI em Cancún, México

Programação ao longo da semana reuniu mais de dois mil representantes do setor

A recondução de Charles Gould ao cargo de Diretor-Geral e a eleição de dois novos membros para o Conselho Diretor Mundial foram algumas das decisões aprovadas na Assembleia Geral da Aliança Cooperativa Internacional (ACI), realizada na última sexta-feira (18/11), na cidade de Cancún, México.

Os participantes acordaram, ainda, a realização de uma Assembleia Geral Extraordinária em Manchester, Inglaterra, juntamente com o Fórum Mundial e a Ica-Expo 2012.

Os novos membros eleitos para o Conselho Diretor são o iraniano Albolhassan Khalili e o polonês Janusz Paszkowski.

A Assembleia Geral da ACI foi cenário também para os participantes endossarem o pedido para tornar Rochdale a capital mundial do cooperativismo, a exemplo de Nova Petrópolis no Brasil. Márcio Port, presidente da Sicredi Pioneira, foi quem defendeu a petição.

Ano Internacional das Cooperativas - 2012Cerca de 2 mil pessoas, distribuídas em delegações de mais de 70 países, participaram dos eventos programados pela ACI na semana de 14 a 18/11 na cidade mexicana. Entre eles esteve o lançamento oficial de 2012 como ano internacional das cooperativas, ocorrido no dia 14. Segundo a analista de Relações Institucionais da Organização das Cooperativas Brasileiras, Joana Nogueira, que acompanhou as atividades no México, a palavra de ordem expressa pelo palestrante Sam Graham-Felsen foi o uso massivo das mídias sociais. “Potencial de comunicação nós temos, pois somamos dois bilhões de associados no mundo. Se cada um de nós se comprometer em divulgar as ações para pelo menos duas pessoas, alcançamos metade da população mundial sem fazer esforço”, disse.

A analista resumiu as atividades da semana, relatando que o sentimento geral dos participantes foi o de fazer do ano de 2012 apenas o início de um trabalho para toda uma década. “Nós conhecemos o cooperativismo e queremos que o mundo conheça. A presidente da ACI, Pauline Green, afirmou por várias vezes que o ideal é tornarmos o ano internacional na década internacional das cooperativas, utilizando 2012 como a abertura mundial para os trabalhos de divulgação”.

Apoio político

O presidente mexicano, Felipe Calderón, também prestigiou o evento. Na oportunidade, ele reafirmou o apoio do país ao modelo cooperativo e à celebração do ano internacional em 2012. Atendendo à colocação do presidente da ACI-Américas, Ramón Imperial, Calderón afirmou que o próximo ano será declarado, também, como ano internacional das cooperativas no México.

Outros eventos

No dia 15/11 foi lançado o concurso Coop’Art, uma competição que encoraja os jovens a apresentarem trabalhos relacionados ao cooperativismo, na forma de foto, música ou vídeo. O campeão terá seu produto apresentado durante o Fórum do Cooperativismo Mundial, que será realizado em 2012, em Manchester, na Inglaterra. Em breve, o portal Brasil Cooperativo disponibilizará mais informações para os interessados em participar.

Prêmio .Coop

Os vencedores do prêmio “.Coop” também foram conhecidos em Cancún. A cooperativa paulista Atrium, representada pelo presidente da Organização das Cooperativas no estado de São Paulo (Ocesp), recebeu menção honrosa de pequena cooperativa. E na categoria “outros”, a Cecred de Santa Catarina recebeu o prêmio, concorrendo com outras organizações de cooperativas. O presidente da Cecred-SC, Moacir Krambeck, fez uma consideração com relação ao ano de 2012: “No calendário Maia, este seria o último ano, quando então o mundo chegaria ao fim. E eu realmente gostaria que fosse o fim do mundo da intolerância e da desorganização, para que surgisse um mundo novo, de ajuda mútua e cooperação.”

Fonte: OCB

Seja o primeiro a comentar

Faça um comentário

Seu e-mail não será divulgado.




*

WordPress spam blocked by CleanTalk.