OCB e Sebrae defendem inclusão financeira

Aproveitar as oportunidades e somar esforços. Esse foi o tom dos discursos na abertura do Fórum de Boas Práticas em Cooperativas de Crédito, na sede do Sebrae Nacional, em Brasília (DF).

O evento oficializa a união do Serviço Nacional de Apoio às Micro e Pequenas Empresas (Sebrae), Organização das Cooperativas Brasileiras (OCB), Banco Central e mais 138 instituições do ramo que pretendem investir cerca de R$ 5,3 milhões no fomento às cooperativas de crédito.

O presidente da OCB, Márcio Lopes de Freitas, destacou em seu discurso o grande diferencial do cooperativismo, que é ser formado por pessoas. “Estamos falando de um movimento que valoriza e prioriza o capital humano, as atividades socialmente responsáveis que promovem naturalmente o desenvolvimento sustentável. Sabemos que o cooperativismo é um grande aliado para a inclusão financeira da população”, disse.

“Aumentar a participação do cooperativismo de crédito no mercado financeiro nacional é um grande desafio, que passa pelo fortalecimento das cooperativas de crédito do segmento empresarial. Para tanto, é fundamental a ampliação da escala e do escopo dos serviços financeiros oferecidos por essas cooperativas aos seus cooperados”, diz o diretor-técnico do Sebrae, Carlos Alberto dos Santos. Segundo o diretor, as cooperativas de crédito podem e devem inovar, para facilitar e ampliar o acesso a crédito e a outros produtos e serviços financeiros por empreendedores, micro e pequenas empresas.

Fonte: OCB

Seja o primeiro a comentar

Faça um comentário

Seu e-mail não será divulgado.




*

WordPress spam blocked by CleanTalk.