Portal do Cooperativismo Financeiro Colaboradores do Sicredi são premiados na Conferência Mundial das Cooperativas de Crédito - Portal do Cooperativismo Financeiro

Colaboradores do Sicredi são premiados na Conferência Mundial das Cooperativas de Crédito

Dois cases do Sicredi estão entre os cinco vencedores do mais importante evento internacional do segmento

Dois jovens colaboradores do Sicredi conquistaram reconhecimento internacional na Conferência Mundial das Cooperativas de Crédito. O evento anual foi promovido pelo Conselho Mundial das Cooperativas de Crédito (Woccu – World Council of Credit Unions), de 23 e 26 de julho, em Viena, na Áustria, para a troca de conhecimentos e das melhores práticas do cooperativismo de crédito.

Os projetos apresentados por João Victor Martins da Silva e Cássia Salvalaggio foram premiados no programa World Young Credit Union People (WYCUP), destinado a cooperativistas de até 35 anos, que tenham desenvolvido iniciativas de relevância econômica e social nas regiões onde atuam as cooperativas de crédito.

Preocupado com a inclusão de pessoas portadoras de deficiência intelectual no mercado de trabalho, João Vitor Martins da Silva, gerente de Planejamento Estratégico da Cooperativa Sicredi União PR/SP, apresentou o projeto “Eu coopero com a inclusão”, que estabeleceu uma parceria com a Associação de Pais e Amigos dos Excepcionais (APAE), beneficiando mais de 30 pessoas. Com todos os direitos de um profissional formal, elas produzem artesanatos a partir de materiais reciclados. Além disso, recebem qualificação em educação financeira e têm todos os benefícios oferecidos aos colaboradores do Sicredi.

“Este reconhecimento do Woccu é uma oportunidade de mostrar para o mundo o engajamento dos jovens cooperativistas brasileiros na construção de novos projetos e seu comprometimento com a intercooperação, um dos pilares do cooperativismo e que se torna essencial em trabalhos de cunho social como o ´Eu coopero com a inclusão’”, declara João Victor.

Já Cássia Salvalaggio, assessora de Programas Sociais da Cooperativa Sicredi Nossa Terra, apresentou o projeto “Chá das Bruxas”, que visa estimular a inclusão da mulher no ambiente corporativo, empoderando as mulheres a buscarem cargos de gestão e liderança na cooperativa de crédito e na comunidade. Tudo acontece num evento onde é servido um chá a base de frutas que originou o nome da iniciativa. O projeto envolveu mais de 1.800 mulheres de dois estados brasileiros e representou um aumento de 50% delas em cargos de liderança na cooperativa de crédito. “Sinto muito orgulho de representar o Sicredi neste projeto e contribuir para o empoderamento feminino”, diz Cássia.

Os dois colaboradores do Sicredi estão entre os cinco vencedores de todos os países participantes da conferência. Os projetos apresentados no WYCUP concorrem entre si e são avaliados por conselheiros do Woccu. Como prêmio, eles receberam a participação na próxima edição da Conferência Mundial das Cooperativas de Crédito, prevista para 2018, com todas as despesas pagas. Outros cinco colaboradores do Sicredi também apresentaram projetos no WYCUP: Lilian da Silva (Sicredi Univales MT/PA), Alyne Moreira Lemes (Sicredi Campos Gerais PR/SP), Rafael Magalhães (Sicredi União MS/TO), Charley Bianchet (Sicredi Norte MT/PA) e David Oliveira (Sicredi Ceará Centro Norte).

Participação do Sicredi
A delegação do Sicredi na edição de 2017 da Conferência Mundial das Cooperativas de Crédito foi formada por 90 pessoas, entre dirigentes, executivos e colaboradores. Entre os destaques, além da apresentação de cases no WYCUP, estão a permanência do presidente da SicrediPar e da Central Sicredi PR/SP/RJ, Manfred Alfonso Dasenbrock, como conselheiro do Woccu e a apresentação do presidente executivo do Banco Cooperativo Sicredi, João Tavares, sobre “Estratégias de crescimento em um ambiente em constante evolução: uma perspectiva internacional”.

Representantes do Sicredi também integraram o Future Forum, encontro que reuniu as maiores cooperativas de crédito do mundo para promover o debate e a apresentação de propostas para temas relativos às perspectivas e desafios dos sistemas cooperativos de crédito para o futuro. Outro destaque foi a participação do grupo local de representantes da Rede Global de Mulheres Líderes no Global Women’s Annual Forum.

“Foram mais de 50 países presentes, com os principais líderes cooperativistas de crédito do mundo discutindo temas estratégicos e compartilhando conhecimento. São trocas que nos fazem perceber que, independentemente do país de origem, temos a mesma causa, os mesmos fundamentos, e os mesmos desafios. E que, juntos, podemos realmente construir um mundo melhor”, contextualiza Manfred Alfonso Dasenbrock.

As inscrições da delegação do Sicredi na Conferência Mundial do Woccu contaram com o apoio do Serviço Nacional de Aprendizagem do Cooperativismo (Sescoop).

Seja o primeiro a comentar

Faça um comentário

Seu e-mail não será divulgado.




*

WordPress spam blocked by CleanTalk.