Banco Central promove 5ª Semana Nacional de Educação Financeira

A Estratégia Nacional de Educação Financeira é uma mobilização multissetorial em torno da promoção de ações de educação financeira no Brasil.

O Banco Central do Brasil promoverá, de 14 a 20 de maio, em Brasília, a 5ª Semana Nacional de Educação Financeira, que tem por objetivo fomentar a Estratégia Nacional de Educação Financeira (Enef), por meio da promoção de diversas ações educacionais.

Na primeira edição da Semana Enef, ocorrida em 2014, foram realizados mais de 170 eventos, presenciais ou online, em 21 cidades de 17 estados brasileiros e DF. Em 2017, contou com 1.826 ações – presenciais e online –, aumento de 75% em relação ao ano anterior, com a participação de 1,9 milhão de pessoas, em 3.781 eventos.

Sobre Educação Financeira

A educação financeira tem como objetivo conscientizar o indivíduo sobre a importância do planejamento financeiro, para que desenvolva uma relação equilibrada com o dinheiro e decisões acertadas sobre finanças e consumo.

Quando o cidadão entende os fatores que influenciam suas escolhas financeiras, consegue equilibrar seus desejos imediatos com suas necessidades de longo prazo. Um dos efeitos disso é o aumento do hábito de poupar, outro importante pilar da educação financeira. E todos saem ganhando, já que cidadão financeiramente educado contribui para o bem-estar coletivo, seja porque essa qualificação resulta em um sistema financeiro mais sólido e eficiente, seja porque cada pessoa tem melhores condições para lidar com emergências e momentos difíceis da vida.

Conheça mais sobre a Estratégia Nacional de Educação Financeira no endereço: www.vidaedinheiro.gov.br. Lá você encontrará também diversas ferramentas e matérias gratuitas, além de links para os sites de todos os membros do Conef.

Sobre o Enef

A Estratégia Nacional de Educação Financeira – Enef – é uma mobilização multissetorial em torno da promoção de ações de educação financeira no Brasil. A estratégia foi instituída como política de Estado de caráter permanente, e suas características principais são a garantia de gratuidade das iniciativas que desenvolve ou apoia e sua imparcialidade comercial.

O objetivo da Enef, criada através do Decreto Federal 7.397/2010, é contribuir para o fortalecimento da cidadania ao fornecer e apoiar ações que ajudem a população a tomar decisões financeiras mais autônomas e conscientes. A estratégia foi criada através da articulação de sete órgãos e entidades governamentais e quatro organizações da sociedade civil, que juntos integram o Comitê Nacional de Educação Financeira – Conef.

Os programas da Enef são guiados pelo Plano Diretor, sua deliberação e seus anexos, documentos que consolidam a atuação da Estratégia Nacional de Educação Financeira. As ações da Enef são compostas pelos programas transversais e setoriais, coordenados de forma centralizada, mas executados de modo descentralizado.

Fonte: Enef e www.sicoobsc.com.br Foto: Visual Hunt free

1 Comentário em Banco Central promove 5ª Semana Nacional de Educação Financeira

  1. Fico feliz acompanhando as ações que acontecem no Brasil! Infelizmente, aqui no Sul somos esquecidos. Trabalho com Educação Financeira e Fiscal a mais de 15 anos. Conquistei o Prêmio Educação Fiscal e Financeira da ESAF Brasilia em 2010, com minha dissertação de Mestrado “Uma reflexão sobre a importância da inclusão da Educação Financeira na Escola Pública”.
    Conquistei o 1o lugar da Região Sul do 8o Professores do Brasil -2014. Conquistei o 1o Lugar do Professor destaque da 2a CRE São Leopoldo/RS -2016.
    Desde 2012 tenho encaminhado Projeto para a Seduc – Porto Alegre para desenvolver projeto na minha Escola. E nunca me respondem. Quem sabe um dia vem a obrigação de “cima” para que eu faça um “cursinho” para trabalhar com Educação Financeira.

Faça um comentário

Seu e-mail não será divulgado.




*

WordPress spam blocked by CleanTalk.