Excesso de Reuniões: reflita antes de agendá-las

Matéria da Revista Amanhã

Antes de marcar um encontro com outros profissionais que trabalham com você, pondere sobre a real necessidade dessa formalidade

blog_padrao_bernt

Durante minha rotina de trabalho, sempre me deparo com muitas reuniões ao longo da semana. Umas muito importantes, outras nem tanto. Alguns desses momentos são fundamentais para alinhar questões pendentes na empresa. São ocasiões onde decisões são tomadas, ações são criadas e outra infinidade de coisas realmente importantes são solucionadas. A minha preocupação é: reuniões muitas vezes são vistas como perda de tempo, até porque frequentemente são mal conduzidas.

reuniao350Acredito que existam três tipos básicos de reunião:

  1. As INFORMATIVAS, onde comunicados são feitos, mudanças explanadas e crises amenizadas.
  2. As CONSULTIVAS, quando se pede conselhos, ideias e/ou apoio para alguma coisa.
  3. E, as que considero mais importantes, reuniões DECISÓRIAS

Todas são importantes, desde que bem aproveitadas.

Infelizmente, muitos profissionais utilizam o pretexto desses encontros para procrastinar algumas tarefas que consideram chatas ou, até mesmo, que encontram dificuldade em cumprir. Vários são os benefícios de uma reunião. São nelas que surgem as boas ideias que vemos diariamente no mundo corporativo. Aliás, não dá para imaginar grandes feitos, como fusões, compras, campanhas e lançamentos, sem uma infinidade de encontros entre as pessoas envolvidas no assunto.

Mas, para que você não se torne um daqueles profissionais que vivem enfurnados em salas com grandes mesas, reunidos com profissionais, clientes e/ou fornecedores, é fundamental entender que até as reuniões precisam ser planejadas. Assim, o tempo é utilizado de forma mais assertiva. Caso contrário, esses encontros serão sempre contraproducentes. Ora, cada hora trabalhada por um funcionário é dinheiro investido nele. Se um funcionário, por sua vez, perde seu tempo reunindo-se com colegas de forma ineficaz, para resolver assuntos irrelevantes, isso se torna um monte de frações de salários jogados no lixo. Sem contar na indisponibilidade. Há coisa mais chata que um profissional inacessível por estar sempre em reuniões? Por isso, sugiro alguns cuidados ao tomar algumas horas de seu colega de trabalho:

IMPORTÂNCIA:

  • Antes de marcar um encontro com outros profissionais que trabalham com você, pondere sobre a real necessidade dessa formalidade. Algumas pessoas gostam de marcar reunião para tudo. Porém, muitos assuntos podem, e devem, ser tratados de forma mais rápida. Por exemplo, a simples ação de ir à mesa de um colega e decidir ali, em pé mesmo, algum assunto, já resolve o que, em uma reunião, tomaria horas dos dois.

PAUTA

  • Defina pauta para as reuniões. Não há porque agendar um horário simplesmente para “definir ações”. É fundamental que todos os participantes da reunião saibam quais ações são essas antes de se encontrarem, para que eles pensem sobre o assunto, façam os levantamentos necessários e não sejam pegos de surpresa com nenhum assunto desconhecido.

PONTUALIDADE

  • Seja pontual e exija que todos os envolvidos sejam também. Aliás, cabe aqui o lembrete: convide para a reunião somente as pessoas realmente necessárias para aquele assunto. Não há porque envolver pessoas que nada tem a ver com um determinado tema. Além de ocupar o tempo do indivíduo desnecessariamente, ele, certamente, não contribuirá em nada, correndo o risco de atrapalhar as pessoas que são realmente fundamentais ali. Mas, voltando à pontualidade, quando um dos participantes se atrasar, não volte às coisas que já foram conversadas. Apenas peça que ele se inteire sobre o assunto posteriormente.

TOME NOTA

  • Anote tudo que for dito. Nem mesmo quem tem boa memória consegue lembrar de tudo que é falado em uma reunião. Anotações são importantes para auxiliá-lo futuramente no cumprimento das tarefas que ali foram tratadas, ou que venham a surgir em outros momentos.

Fonte: Revista Amanhã

Seja o primeiro a comentar

Faça um comentário

Seu e-mail não será divulgado.




*

WordPress spam blocked by CleanTalk.