Sistema Cresol realiza encontro para planejar ações futuras: Visão e Estratégia

Na última semana, a Cresol Central encerrou o ciclo de seminários que abordam reflexões, decisões e planejamentos, a cerca do futuro do Sistema. Estas atividades visam qualificar o trabalho e melhorar o atendimento aos associados. O primeiro seminário desta etapa aconteceu em outubro e abordou temas como compensação própria, auditoria, Projeto de Assistência Técnica e Extensão Rural (ATER), cogestão e cargos públicos. O segundo, realizado em novembro, abordou, entre outros temas, Codigo de Ética, Formato para o Sistema, avaliação do Projeto ATER e os resultados da pesquisa desenvolvida com dirigentes, funcionários e associados da Cresol Central, no período de 27 de abril a 10 de junho deste ano.

O terceiro e último seminário deste ciclo foi realizado nesta semana, de 14 a 16 de dezembro. Na ocasião foram retomados os debates sobre os resultados da pesquisa e pontuadas estratégias para o futuro do Sistema. Através dos paineis ministrados pelos representantes do Departamento de Supervisão de Cooperativas e de Instituições Não Bancárias (DESUC) do Banco Central do Brasil (BACEN), João Batista Loredo de Souza e Gilmar José Bocalon, e pelos representantes do Développement Solidaire International (DSI), Jean Bergevin e Maria Angelica Imperador de Paula, o grupo de participantes pode debater sobre o marco legal do cooperativismo e refletir sobre o futuro que se quer alcançar na Cresol.

Segundo o Diretor Presidente da Cresol Central, Egon Gabriel Junior, o seminário teve como objetivo, além de mostrar as ações e trabalhos desenvolvidos ao longo do ano, prospectar estratégias. “Visamos qualificar ações para melhorar o atendimento aos associados, tendo em vista a credibilidade e confiança que eles depositam no Sistema Cresol. Todo este processo está sendo construído em conjunto com dirigentes, funcionários, entidades e instituições parceiras”, destaca.

Conforme Bocalon, este é um importante encontro para manter a proximidade entre o Bacen e Cresol, sanar dúvidas e transmitir conhecimentos mútuos. Já para Bergevin, este seminário é fundamental para o Sistema porque foram debatidas questões importantes como decisões futuras e entendimento da razão de ser da Cresol. “Acredito que este foi um momento de discutir e também adequar o discurso à realidade, através de debates democráticos, onde os participantes tiveram a liberdade de falar e o respeito de ouvir outras opiniões”.

As atividades reuniram, cerca de, 120 participantes entre dirigentes e funcionários da Cresol Central, Bases Regionais de Serviços e Cooperativas Singulares afiliadas ao Sistema. De acordo com o Diretor da Cresol Santo Cristo, Vitoldo Scharneck, debates como estes são essenciais para aprofundar e planejar as ações da Cresol. “A mudança e os investimentos se fazem necessários para a evolução do Sistema”.

Fonte: Cresol Central

Compartilhe a notícia:
5k
fb-share-icon15000
20
Pin Share20

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.