Copom corta Selic para 5% ao ano

Meta para juros básicos do Brasil foi cortada em 0,5 ponto percentual nesta quarta-feira (30/10/2019).

Como esperado pelo mercado, e sugerido no último corte de juros no Brasil, o Comitê de Política Monetária (Copom) do Banco Central (BC) deu prosseguimento ao ciclo de redução da meta para os juros básicos (Selic) nesta quarta-feira (30).

Os juros de referência no país perdem agora mais 0,5 ponto percentual, indo a 5% ao ano – renovando o seu menor piso histórico. A decisão dos diretores do BC foi unânime.

Além disso, o BC sinaliza que, em dezembro, a taxa Selic deve cair para 4,5% ao ano, dizendo que “a consolidação do cenário benigno para a inflação prospectiva deverá permitir um ajuste adicional, de igual magnitude”.

De acordo com o comunicado do Copom, “diversas medidas de inflação subjacente encontram-se em níveis confortáveis, inclusive os componentes mais sensíveis ao ciclo econômico e à política monetária”.

Ou seja, a inflação segue sob controle, o que permite juros menores na visão dos economistas da autoridade monetária.

A taxa passa a valer a partir desta quinta-feira (31) e fica vigente até, ao menos, 11 de dezembro – quando as apostas médias apuradas pela pesquisa Focus apontam para nova tesourada do Copom, o que levaria a Selic aos 4,5% ao ano.

Fonte: valorinveste.globo.com

Seja o primeiro a comentar

Faça um comentário

Seu e-mail não será divulgado.




*