A força transformadora do cooperativismo, por Márcio Port

Julho é um mês em que as cooperativas de todo o mundo buscam, ainda mais, colocar em prática o Interesse pela Comunidade, princípio cooperativista com foco no desenvolvimento local por meio de soluções que melhorem a qualidade de vida de associados e da sociedade.

A razão desse movimento, é o Dia Internacional do Cooperativismo, comemorado, anualmente, no primeiro sábado de julho, e considerado uma importante oportunidade de reflexão sobre o papel social das cooperativas no fomento a ações que possam ser revertidas em benefício de todos.

Em 2021, o Dia de Cooperar, ou Dia C, como é conhecido o maior movimento nacional de solidariedade cooperativista e que marca a data, reforça a necessidade de um olhar para o cenário atual, ainda desafiador para muitas pessoas e que demanda um empenho coletivo.

Por isso, o foco, neste ano, é “Vem transformar”, um chamamento a todas as cooperativas do mundo para que juntas possam mudar realidades por meio da solidariedade e do trabalho voluntário.

O Dia C é um momento de somar esforços, gerando impactos sociais transformadores nas comunidades.

As iniciativas, que mobilizam milhares de voluntários todos os anos, beneficiaram, em 2020, mais de 7,8 milhões de brasileiros em mais de 2,8 mil atividades e ações realizadas em todo o País. Conforme dados da Organização das Cooperativas do Brasil (OCB), foram 2.226 cooperativas envolvidas nas práticas de voluntariado, o que representou um crescimento de 197% no número de pessoas atingidas em relação a 2019.

No Rio Grande do Sul, foram mais de 1,3 milhão de gaúchos beneficiados nos últimos seis anos.

A fórmula é simples e conhecida pelo cooperativismo há quase 120 anos no Brasil: quando todos têm um objetivo em comum, transformações acontecem.

Como diz o lema do Dia C, atitudes simples movem o mundo.

=========

Por Márcio Port, vice-presidente da Central Sicredi Sul/Sudeste

Fonte: Zero Hora de 03/07/2021

Compartilhe a notícia:
5k
fb-share-icon15000
20
Pin Share20

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.

*